https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

Uma polêmica de um projeto de lei da prefeitura de Tubarão foi gerada nos últimos dias após a aprovação, na primeira sessão da Câmara de Tubarão (3/2), da proposta que regulamenta o transporte de passageiros por aplicativos em na cidade.

Anunciante do CNT

Após a votação, chegou a ser ventilado, de forma equivocada, que o serviço havia acabado no município.

Anunciante do CNT

A fake news já foi sanada, já que é somente um projeto de lei, precisa ser sancionado pelo Executivo, e não detalha, em nenhum momento, que os motoristas irão parar de trabalhar. É apenas uma regulamentação, uma adequação. O que já gerou indignação por parte de alguns profissionais que ganham a vida por meios dos aplicativos Uber e 99, e retórica de passageiros (usuários) e até mesmo de alguns deputados.

Anunciante do CNT

Confirma algumas das alterações aprovadas pelos vereadores:

  • A lei autoriza a prefeitura a exigir o que quiser como “mínimo de segurança, conforto, higiene e qualidade”;
  • Placa de identificação, com foto, modelo do veículo, placa e outras informações que a prefeitura solicitar, afixado no interior do veículo e disponível no App;
  • Inspeções e vistorias;
  • Aplicativos devem ser credenciados no município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui