https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A Polícia Civil de Santa Catarina, através da Divisão de Investigação Criminal de Tubarão, deu cumprimento a mandado de prisão preventiva deferido pelo juízo da 2º Vara Criminal da Comarca de Tubarão em desfavor de EMD, de 36 anos. 

Anunciante do CNT

A equipe da DIC tomou conhecimento, através de inúmeros boletins de ocorrência, que um homem negro conduzindo uma motocicleta estaria se aproximando de mulheres na rua e puxando as bolsa. De pronto, a equipe de investigadores desta unidade procederam em diligências e após a coleta e análise de imagens de câmera puderam identificar o autor como sendo EMD, que possui inúmeras passagens policiais por crimes patrimoniais, sobretudo por roubos. 

Anunciante do CNT

Instaurou-se o competente inquérito policial e, após a colheita de robusto conjunto probatório, o Delegado de Polícia que presidia o feito representou pela prisão preventiva do suspeito, tendo o pleito sido deferido pelo juízo da 2º Vara Criminal da Comarca de Tubarão.

Anunciante do CNT

É importante registrar que em pelo menos três oportunidades as vítimas restaram lesionadas em decorrência da violência empregada pelo autor, tendo uma delas ficado gravemente ferida, sendo submetida a exame de corpo de delito. No laudo o médico legista ateste a incapacidade para ocupações habituais por mais de 30 dias, uma vez que teve fraturas ósseas e dentárias.

É importante registrar que o autor tinha predileção por mulher com certa idade.

De posse do mandado de prisão, a Polícia Civil de Tubarão deu cumprimento à ordem judicial, encontrando-se o investigado recluso no Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui