https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Polícia de Imbituba, com o auxílio das Delegacias de Garopaba e de Paulo Lopes e, ainda, com o auxílio da Polícia Militar (PM) de Garopaba, deflagrou na manhã desta quinta-feira (11), uma operação policial de combate ao tráfico de drogas em Imbituba e Paulo Lopes.

Anunciante do CNT

Quatro pessoas, entre elas um casal de Paulo Lopes e um homem de Imbituba, foram presas por tráfico e associação ao tráfico, e os policiais apreenderam maconha, telefones celulares e outros objetos em cinco residências dos dois municípios.

Anunciante do CNT

Durante as investigações, um adolescente residente em Imbituba foi apreendido de posse de considerável quantidade de cocaína. Posteriormente, foi apurado que o referido menor de idade estava associado com outro homem residente em Paulo Lopes, o qual havia acabado de repassar a droga ao adolescente para revenda.

Anunciante do CNT

Além disso, a equipe de investigação identificou os fornecedores da droga, também residentes no município da Grande Florianópolis. Foram identificados ainda outros possíveis indivíduos residentes em Imbituba com envolvimento no tráfico.

Diante dos elementos colhidos, o Delegado de Polícia de Imbituba representou pela decretação da prisão preventiva de três suspeitos detidos hoje pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, e pela expedição dos cinco mandados de busca e apreensão. Todos os pedidos foram deferidos pelo Poder Judiciário de Imbituba.

A partir daí, na manhã de hoje, cerca de 20 policiais deram cumprimento aos mandados onde apreenderam certa quantidade de maconha em pelo menos duas residências, além de celulares, eletrônicos e outros objetos que ainda serão analisados pelo setor de investigação. Além das três prisões preventivas, uma quarta pessoa residente em Imbituba foi flagrada na posse de drogas e conduzida à Delegacia para lavratura do flagrante.

De acordo com o Delegado de Polícia Juliano Baesso, presidente do Inquérito Policial, a operação foi exitosa, uma vez que, além do cumprimento dos mandados de prisão preventiva, foi possível colher outros elementos para corroborar com o Inquérito Policial já instaurado.

“Entre os presos preventivamente estão uma mulher e um homem residentes em Paulo Lopes, identificados como sendo responsáveis pelo fornecimento de drogas para a região, ressalvando-se que o mesmo casal inclusive já responde um processo idêntico em Garopaba e estava em liberdade provisória”, revela o delegado Baesso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui