https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A CCR ViaCosteira, empresa controlada pelo Grupo CCR, assinou na última segunda-feira (6), o contrato de concessão de 220,4 quilômetros da BR-101, em Santa Catarina. Com isso, após avaliar inúmeros locais, a empresa definiu o município de Tubarão para fixar a sede administrativa, considerando todo o potencial de infraestrutura, bem como a facilidade logística da região. Além disso, a direção da concessionária está em tratativas com o prefeito Joares Ponticelli a fim de viabilizar uma visita institucional para oficializar a presença da empresa na cidade e apresentar os investimentos previstos ao longo de 30 anos.

Anunciante do CNT

O projeto de concessão do trecho catarinense demandará aporte de aproximadamente R$ 7,4 bilhões em conservação, operação e monitoramento da via, gerando cerca de 3,7 mil empregos diretos e indiretos no estado.

Anunciante do CNT

“Na primeira quinzena de março iniciamos os contatos e ficamos satisfeitos que a empresa tenha escolhido a nossa cidade para instalar a sede. Tubarão é cortada pela rodovia e fica em uma localização estratégica, o que permite que todos os serviços previstos no contrato sejam realizados da melhor maneira possível”, destaca o prefeito Joares Ponticelli.

Anunciante do CNT

Sobre o Grupo CCR: Fundado em 1999, o Grupo CCR é uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina. Tendo iniciado a trajetória no segmento de concessões rodoviárias, o Grupo CCR diversificou o portfólio de negócios e, em 2018, transformou os quatro núcleos de atuação em divisões que agrupam unidades de negócios por temas afins. São eles: CCR Lam Vias, CCR Infra SP, CCR Aeroportos e CCR Mobilidade. As divisões são responsáveis por gerir os atuais negócios da companhia, além de desenvolver e pesquisar novas oportunidades de negócios no mercado primário e secundário, dentro e fora do Brasil. Tendo o pioneirismo como marca, o Grupo CCR é hoje um dos cinco maiores da América Latina no setor de concessões de infraestrutura e também foi o primeiro a ingressar no Novo Mercado da B3 (antiga BM&FBovespa). Conta atualmente com 15 mil colaboradores, além de ter o reconhecimento dos mercados nacional e internacional em função da trajetória de sucesso e da adoção constante das mais rígidas práticas de governança corporativa que pautam sua atuação e estão reunidas no Programa de Integridade e Conformidade da companhia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui