https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

Um receptador de baterias usadas que comprava o material ilícito para manter serviços de telefonia móvel em funcionamento na região foi preso em flagrante pela Polícia Civil de Pescaria Brava. Com ele, foram recuperadas oito baterias de 100 amperes e 12 volts, avaliadas em R$ 20 mil.

Anunciante do CNT

O criminoso foi detido transportando os objetos furtados no bairro Laranjeiras, em Pescaria, na noite desta quinta-feira (19). O responsável pelo transporte, em interrogatório, afirmou ter adquirido as baterias em Morro da Fumaça, pelo valor de R$ 250 cada.

Anunciante do CNT

O homem foi autuado em flagrante pelo crime de receptação e encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Laguna (UPA), onde aguarda julgamento. O crime está previsto no artigo 180 do Código de Processo Penal (CPP): § 1º Adquirir ou receber coisa que por sua natureza ou pela desproporção entre o valor e o preço, ou pela condição de quem a oferece, deve presumi-se obtida por meio criminoso: § 2º A receptação é punível, ainda que desconhecido ou isento de pena o autor do crime de que proveio a coisa. Geralmente, a sentença não chega a um ano de reclusão e multa, mas depende de cada caso e da interpretação do juízo.

Anunciante do CNT

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui