https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg

Anunciante do CNT

Julgadores decidem se Carlos Moisés cometeu crime de responsabilidade na compra fraudulenta de 200 respiradores no valor de R$ 33 milhões e até hoje, um ano depois, apenas 50 equipamentos foram entregues. Quatro deputados já votaram pela absolvição

Anunciante do CNT

Nesta sexta-feira (7), Com o voto do deputado Fabiano da Luz (PT), oitavo julgador a votar,  o governador Carlos Moisés conquistou a soma necessário de votos para ser inocentado pelo Tribunal de Julgamento. Seis deputados votaram pela condenação, quatro deputados votaram pela absolvição.

Anunciante do CNT

A soma inviabiliza a condenação, que depende de sete votos, o Tribunal conta com dez julgadores. Após Fabiano da Luz, votaram o desembargador Luiz Fornerolli  e o deputado Laércio Schuster (PSB) – ambos favoráveis a condenação. O julgamento ocorreu de forma virtual, devido à pandemia de Covid-19

Anunciante do CNT

O presidente Ricardo Roesler abriu a sessão às 9:00 horas. O governador afastado Carlos Moisés não está presente e não se manifestou. Seguindo o rito, se manifestaram os cinco advogados de acusação – Dulcianne Beckhauser Borchardt, Leonardo Borchardt, Bruno Carreirão, Ivo Borchardt e Josué Ledra Leite . Em seguida, o defensor de Carlos Moisés, o advogado Marcos Fey Probst, se manifestou.

Por volta das 11h30, começou a etapa de manifestação dos dez julgadores – cinco desembargadores e cinco deputados estaduais. A ordem foi definida conforme o tempo de atuação nos órgãos (os mais antigos falaram primeiro). A previsão era de que a etapa fosse restrita a manifestação, e apenas em seguida cada um votasse.

Entretanto, assim como aconteceu nas sessões anteriores, os julgadores estão votando e se manifestando simultaneamente.  Caso o resultado se concretize formalmente, Moisés retorna ao cargo, atualmente ocupado pela governadora interina Daniela Reinehr (sem partido).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui