https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

Uma jovem, de 18 anos, alega ter sido vítima de agressões por parte de policiais militares durante uma abordagem realizada após uma confusão em um evento no Grow Hookah Lounge, um pub do bairro Magalhães. A situação ocorreu na madrugada deste domingo, 27. Além dela, um rapaz foi atingido por um disparo de arma não-letal (bala de borracha).

Anunciante do CNT

O ocorrido começou com uma briga dentro do estabelecimento e a guarnição foi acionada para apartar os ânimos. Os envolvidos na confusão foram retirados dali, conforme o relato da jovem. O dono do local nega. Além dele, a corporação também foi procurada pela reportagem para se manifestar sobre o caso.

Anunciante do CNT

Ao Portal, Mikaela Demétrio disse que um agente fez uso do spray de pimenta. “Me empurrou e na hora, minha reação foi fazer o mesmo, abafada e empurrada, não pensei direito. Ele veio para cima de mim, depois a [policial] feminina veio também, me dando um mata-leão e falando que iria desmaiar”. Ela diz ter pedido para parar com a imobilização por ter ficado com dificuldades de respirar. “[Mas] Não ligou nenhum momento se quer; sem contar que atiraram em meu irmão”.

Anunciante do CNT

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui