https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

Como o CNT havia divulgado com exclusividade, há cerca de duas semanas, o Presídio Regional Masculino de Tubarão passa por um momento delicado em relação aos casos de covid-19 entre reclusos e agentes. O número de infectados só aumenta a cada dia e, conforme dados oficiais divulgados pela Secretaria de Estado da Administração Prisional e Socioeducativa (SAP), já são 75 infectados somente entre os presos da unidade no bairro Bom Pastor, fora as detentas que estão encarceradas no Presídio Feminino no bairro Humaitá de Cima, de onde não há números oficiais de quantas estão doentes com o novo coronavírus.

Anunciante do CNT

Esse foi o maior número de casos registrados de uma unidade desde o início da pandemia. Segundo a SAP, 61 desses pacientes já passaram por isolamento e estão recuperados. Os outros 14 presos permanecem isolados. Nenhum deles precisou ser hospitalizado. Atualmente, o Presídio Regional de Tubarão conta com 613 presos.

Anunciante do CNT

A SAP ainda afirma que os números representam que o local está em surto de covid-19. Para a secretaria, é considerado surto quando na unidade há três ou mais casos confirmados com relação entre si. O boletim mais recente revela que um servidor do presídio masculino também está afastado por conta do novo coronavírus. Ainda de acordo com os dados da SAP, as Unidades Prisionais Avançadas (UPAs) de Laguna e Imbituba têm, cada uma, três internos que testaram positivo para a covid-19.

Anunciante do CNT

Os presos com covid-19 permanecem isolados e são monitorados pela equipe de saúde da unidade, diariamente, para avaliar a evolução de eventuais sintomas. Esses procedimentos são estipulados em uma nota técnica conjunta entre a SAP e a Secretaria de Saúde do Estado.

* Com informações do Diário do Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui