https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

O CNT Tubarão inicia sua primeira série de 2021. Nossa equipe de Redação debateu, por certo tempo, se o nome seria ‘Profissionais da Amurel’ ou ‘O Comércio Venceu a Covid’. Chegamos à conclusão que falar de pessoas, mostrar suas histórias, seus anseios e projetos é muito mais abrangente, a pluralidade de ideias reflete em muito mais troca de aprendizagem para nós, que produzimos as matérias, para os entrevistados e, principalmente, para o público.

Anunciante do CNT

Hoje, a história narrada será de uma das estilistas mais conhecidas do Sul de Santa Catarina, Andresa Freccia, da tradicional Lojas Andresa, empresa que vem criando oportunidades de trabalho desde 1997 na Amurel e em outras cidades do Estado, mas principalmente na região, que fez nascer novas modas, estilos e vem vestindo, de maneira qualificada e com preço acessível, toda a família, como resume o seu slogan.

Anunciante do CNT

Esta série traz um pouco da perseverança de profissionais e suas empresas que venceram a crise provocada pela maior pandemia do século, até aqui, a qual resultou em um colapso econômico sem precedentes a comerciários, industriários e empreendedores de todo o mundo. Muitas lojas fecharam suas portas no Brasil, algumas em Tubarão e região… Então, nada melhor que, hoje, expressarmos, unidos, que nosso comércio venceu a Covid. E que venha a vacina!

Anunciante do CNT

“Atualmente, sou responsável pela área administrativa e criativa da empresa, tanto na parte de criação – do vestuário – como desenvolvimento e marketing”, resume a estilista Andresa. O grupo têxtil surgiu em 1997 e mantém lojas no centro da Cidade Azul, na av. Marechal Deodoro; em Jaguaruna, no bairro Beija-Flor – anexo à fábrica; na Galeria Gajala, nas Termas de Gravatal; e no Morro Grande, em Sangão.

O Grupo Andresa Confecções produz, há quase 24 anos, moda adulto e infantil, segundo a diretoria da empresa, material de qualidade. “Destacamos sempre a ampla aceitação em todas as classes sociais e faixas etárias”, avalia Freccia. As coleções, conforme aponta a profissional, estão sempre em sintonia com as tendências da moda atual e, ao mesmo tempo, mantendo a tradição de peças básicas. “Nossa identidade é facilmente reconhecida pelos consumidores que veem a marca como sinônimo de qualidade e moda acessível”, destaca.

Com um novo formato, hoje a rede de lojas divide-se nas marcas Arcole, Beta, Sofia, e Peripécia, que primam pelo conforto e estilo.

Beta, inspirada na pioneira das confecções Andresa, trará muita elegância e contemporaneidade à mulher. Pensando nas mulheres de todas as idades e estilo, a marca carrega consigo a luz da precursora Beta.

A marca masculina Arcole, inspirada na cidade italiana de mesmo nome, busca pelas raízes e origem da família Freccia, que migrou de Arcole para o Brasil no ano de 1885.

Arcole traz conforto e estilo para os homens de todas as idades, além de deixá-los ainda mais charmosos!

Sofi.a traz conforto e estilo para as meninas de todas as idades! Com looks que vestem desde o início da infância até a adolescência descolada! Inspirada na menina Sofia, que encanta todos na fábrica, a marca exala beleza e delicadeza.

Peripécia, a marca dos meninos, veio para traduzir o espírito divertido das brincadeiras e aventuras da infância! Vestindo garotos de todas as idades, o verão Peripécia já traz conforto e estilo para os momentos mais divertidos!

Como funciona a criação de uma coleção?

Criar uma coleção é sempre um desafio, principalmente para um nicho tão grande quanto o nosso. Atendemos clientes de todos os estilos e todas as idades, por isso buscamos sempre enfatizar a identidade da marca. Procuro priorizar as peças-coringas, que podem ser usadas em diferentes ocasiões e de formas variadas, para que não se tornem ‘descartáveis’, sempre prezando pelo conforto e qualidade do produto. Quando começo o processo de criação, o primeiro passo é a pesquisa de tendência e de comportamento de consumo para aquele semestre, por mais que nosso foco seja o básico, sempre trago algumas referencias do fast fashion, deixando as peças com mais personalidade e atuais, mas sem perder a nossa essência.

Qual a sensação de ver suas roupas vestidas por clientes nas ruas?

É muito satisfatório saber que alguém aprova a sua criação e paga para usá-la. Por trás de uma peça temos muito trabalho, então sinto que tudo que fizemos foi reconhecido por aquele cliente.

No que a pandemia atrapalhou o ramo da indústria têxtil?

De várias formas, na verdade… Primeiro que tudo teve que ser mudado às pressas. As pesquisas feitas para aquele semestre já não valiam mais. O comportamento mudou, as prioridades também, o estilo de vida, enfim, vimo-nos obrigados a ficar em casa, então esse foi o primeiro impacto. Depois, começaram a vir as dificuldades maiores, portas fechadas, aumentos dos insumos, não só na indústria têxtil, mas em todas as áreas, complicando ainda mais a vida financeira da sociedade e, consequentemente, do comércio local.

Qual a expectativa com a chegada da vacina para os comerciantes?

A expectativa é que a gente possa voltar a atender o cliente de uma forma mais calorosa e sem todos os atuais sistemas de cuidados. Sabemos que nem tudo será como antes, mas só de tirar essa preocupação já vai deixar nossos dias mais leves e produtivos, o resto, com saúde, a gente corre atrás.

Que novidades ou projetos podemos antecipar aos clientes e amigos das Lojas Andresa para 2021?

Dois mil e vinte foi um ano de se reinventar. Então, temos muitos planos para 2021… O que posso adiantar é que estamos ansiosos para fazer a inauguração do nosso novo espaço. Não realizamos no ano passado para não ter risco de aglomeração, mas é um dos nossos objetivos de 2021, por mais que seja praticamente no mesmo endereço, pois mudamos para algumas lojas ao lado. Queremos comemorar com os nossos clientes essa nova conquista e, desta vez, fazer algo especial!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui