Deputado Jair Miotto, presidente da comissão, durante a reunião desta quarta-feira (3)
https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A Comissão de Economia, Ciência, Tecnologia, Minas e Energia da Assembleia Legislativa aprovou, em reunião na tarde desta quarta-feira (3), sete requerimentos para tratar, entre outros assuntos, do impacto da pandemia na economia catarinense, da privatização da Eletrobrás e a venda do Complexo Termoelétrico Jorge Lacerda.

Anunciante do CNT

Três dos requerimentos, de autoria do presidente do colegiado, deputado Jair Miotto (PSC), convidam o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Luciano Buligon; o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina, Mauro Cezar de Aguiar; e o presidente da Fecomércio-SC, Bruno Breithaupt. O objetivo é que cada um exponha os impactos do recente aumento do número de casos de Covid-19 no estado na economia estadual. A data da audiência ainda não foi definida.

Anunciante do CNT

Outro requerimento, de autoria de Jair Miotto e Ada de Luca (MDB), convida o representante do grupo de trabalho criado pelo Ministério de Minas e Energia para tratar da situação das termoelétricas movidas a carvão, além do presidente da Engie, proprietária do Complexo Termoelétrico Jorge Lacarda, no Sul do estado. O objetivo é saber das consequências da venda da usina para a produção de carvão mineral da região. O encontro também aguarda definição de data.

Anunciante do CNT

A comissão também aprovou requerimento de Jair Miotto convidando o diretor-presidente da Eletrosul, Antonio Carlos Krieger, para tratar do processo de privatização da Eletrobrás. Foi aprovado, ainda, o requerimento, de autoria do presidente da comissão e do deputado João Amin (PP), com o convite para o novo presidente do Sapiens Parque, Daniel Leipnitz, tratar dos planos à frente da gestão do parque de inovação situado em Florianópolis.

Por fim, o colegiado aprovou requerimento dos deputados Miotto e Amin parabenizando os presidentes das comissões correlatas no Congresso Nacional e colocando a comissão da Alesc à disposição para futuras parcerias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui