https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

“Esta é a mais importante atitude que tomo desde que fui eleito. Estamos vivendo aqui, no Brasil e no mundo, uma guerra contra um inimigo invisível, que afeta imensuravelmente a saúde pública. Como se não bastasse, temos nossos os problemas de saúde locais, que são crônicos, históricos e não são resolvidos em apenas dois meses”, observa o agora prefeito e secretário da Saúde de Capivari de Baixo, Dr. Vicente Corrêa. Com essa visão, o gestor pasta a ter este novo desafio na cidade.

Anunciante do CNT

O momento pede medidas especiais e tomadas de decisões extremamente técnicas nesta atual conjuntura do cenário criado pela pandemia do novo coronavírus – e intensificado neste mês de março, com a falta de vagas nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e até mesmo de leitos de enfermaria nos hospitais da Amurel, nos quais os moradores de Capivari de Baixo são assistidos. Há até mesmo fila de espera para internação.

Anunciante do CNT

Visando a toda esta situação, o prefeito, médico e ex-gerente regional da Saúde, decidiu, a partir desta quarta-feira (10), assumir a pasta mais importante nesta época pandêmica. Com ampla experiência na área e com vários projetos para minimizar os problemas gerados pela doença – não somente na cidade termelétrica, mas na região -, ele decidiu encarar mais este desafio.

Anunciante do CNT

Em paralelo, Vicente segue, lógico, como gestor municipal, mas dedicará boa parte do seu tempo ao setor de sua formação técnica. O cargo é temporário e ele não irá agregar o rendimento de secretário, fazendo com que o município consiga também economizar. Uma equipe de emergência e de especialistas formada por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem será montada nos próximos dias para trabalhar em conjunto com o Comitê Extraordinário Regional de Acompanhamento da Covid-19 (CER Amurel).

“Na campanha, eu falei que iria cuidar das pessoas, cuidar do capivariense, o que tenho feito desde o primeiro dia de nossa gestão. Agora, o dever e a responsabilidade me chamam para tomar uma atitude mais enérgica, por isso assumo mais esta função. Agradeço o agora ex-secretário Nixon pelos serviços prestados, mas Capivari precisa de mim como cidadão e especialista de saúde em tempo integral. Podem ter certeza que não irei descuidar das outras áreas do município. Na prefeitura tudo é prioridade. Mas agora a saúde pública é a prioridade das prioridades”, sublinha Vicente.

Vicente assume o lugar de José Nixon Batista, médico clínico-geral. Hoje, Capivari conta com 147 funcionários na Secretaria da Saúde, sendo a segunda maior pasta do município. São nove postos abertos diariamente e uma extensão no bairro Alvorada, além de 14 médicos (entre Estratégia Saúde da Família (ESFs) e médicos exclusivamente trabalhando no combate à Covid-19). A cidade também conta com a Equipe Multiprofissional de Atenção Domiciliar (Emad) e com um Centro de Atenção Psicossocial (Caps), anexo à secretaria.

Formação

O novo responsável pelo setor no município é graduado em medicina pela Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul), em Tubarão, e tem residência em Pediatria no Hospital Maternidade Jaraguá (HMJ), em Jaraguá do Sul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui