https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A Polícia Civil de Santa Catarina, através da Divisão de Combate a Furtos e Roubos, da Delegacia de Polícia da Comarca de Tubarão, na tarde de hoje, deu cumprimento a mandado de prisão preventiva deferido pelo juízo da 1º Vara Criminal da Comarca de Tubarão em desfavor de AJG, de 43 anos, o qual é suspeito de ter praticado dois furtos e subtraído duas motocicletas.

Anunciante do CNT

A DCFR tomou conhecimento, através de dois boletins de ocorrência, de dois furtos de motocicleta ocorridos na cidade de Tubarão, um praticado no dia 09 de fevereiro deste ano e outro no dia 13 de fevereiro deste anos. De pronto, investigadores desta divisão diligenciaram no sentido de identificar o autor dos furtos.

Anunciante do CNT

No mesmo dia 09, a primeira motocicleta furtada foi recuperada no Centro da cidade de Braço do Norte e, no dia 17 de fevereiro, a segunda motocicleta foi recuperada na cidade de São Ludgero. Foram coletadas imagens dos furtos, tendo o autor sido identificado como sendo AJG, indivíduo contumaz em crimes patrimoniais.

Anunciante do CNT

Instaurou-se o competente inquérito policial e, após a colheita de robusto conjunto probatório, o Delegado de Polícia coordenador da DCFR representou pela prisão preventiva do suspeito, pleito que fora deferido pelo Poder Judiciário local.

Enquanto se aguardava a decisão judicial, o investigado foi preso pela Polícia Civil de Braço do Norte por força de um mandado de prisão preventiva expedido pelo juízo da Vara Criminal daquela comarca em decorrência de investigação carreada pela Delegacia de Polícia da Comarca de Braço do Norte.

Na data de hoje, de posse do mandado de prisão preventiva deferido pelo juízo da 1º Vara Criminal da Comarca de Tubarão em decorrência dos fatos ocorridos na cidade de Tubarão, o suspeito, que se encontra recolhido no Presídio Regional de Tubarão, foi interrogado pela autoridade policial através do sistema da videoconferência, tendo, na mesma oportunidade, sido dado cumprimento ao mandado de prisão mencionado.

É importante registrar que o suspeito possui pelo menos 34 passagens policial por crimes patrimoniais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui