https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A Defesa Civil de Capivari de Baixo executou, nesta quinta-feira (18), na rua da Liberdade, no Centro, uma poda de várias árvores do tipo palmeira real, uma delas com 25 metros de altura, que colocavam em risco a rede elétrica de alta tensão da Celesc e poderia vir a causar algum incidente mais grave.

Anunciante do CNT

O serviço foi solicitado por moradores e pôde ser viabilizado somente após um trabalho especial aplicado pela vereadora Heloisa Cardoso, que entrou em contato com duas empresas para que a ação fosse concretizada, conforme ela, sem ônus à municipalidade. “Consegui um caminhão-guindaste com a Fan, que é de Capivari, cedendo o equipamento necessário, então a empresa Melo e Silva, que também é da cidade e emprega 83 colaboradores, ofereceu a mão de obra para que fosse possível executar as podas e cortes”, explica a parlamentar. Ela ainda lembra que este problema havia se arrastando por três anos, mas graças ao empenho das partes citadas e apoio da Defesa Civil e Guarda Municipal foi possível chegar à solução. A vereadora também pediu para que a Celesc realizasse o acompanhamento do trabalho e desligamento de energia da rede, quando necessário.

Anunciante do CNT

O perigo era iminente de queda de galhos, folhas ou até mesmo da planta nos fios e postes, podendo resultar em incêndio em residência, queda de energia, curtos-circuitos em aparelhos elétricos, danos em telhados de casas e carros ou ferimentos das pessoas que costumam passar pelo local. “Se tem risco à vida ou ao patrimônio temos que agir, e o Instituto do Meio Ambiente (IMA), órgão responsável pela liberação deste tipo de serviço, é comunicado e nos dá o aval para o corte, poda ou até mesmo a remoção dessas árvores”, informa o coordenador da Defesa Civil de Capivari, Adilson Pacheco.

Anunciante do CNT

A Guarda Municipal deu apoio ao trabalho no controle do tráfego, já que foi preciso bloquear o trânsito em duas quadras para segurança dos operários e de moradores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui