https://www.cnttubarao.com.br/wp-content/uploads/2021/01/web-banner-IPTU-2021_CNT.jpg
Anunciante do CNT

A prefeitura de Tubarão, por meio da Fundação Municipal de Educação (FME) e do Departamento de Alimentação Escolar (DAE), realizou na tarde desta terça-feira (13), na escola Faustina da Luz Patrício, a entrega simbólica da nova remessa de kits de alimentação escolar.

Anunciante do CNT

Até a próxima sexta-feira (16), 3.770 kits serão distribuídos aos alunos da rede municipal, número que corresponde aos estudantes que optaram pelo atendimento de forma totalmente online e aos atendidos na modalidade híbrida – uma semana em casa e outra semana em sala de aula, por causa do distanciamento necessário nas salas de aula.

Anunciante do CNT

Os alunos com atendimento 100% presencial estão recebendo as refeições durante o período em que permanecem dentro da unidade escolar e já usufruem do direito à alimentação, por este motivo, não serão atendidos com os Kits.

Anunciante do CNT

Durante a fala que fez no ato simbólico, o prefeito Joares Ponticelli lembrou de todas as dificuldades enfrentadas durante a pandemia e citou os esforços da área educacional para diminuir os impactos da pandemia na vida escolar dos alunos da rede municipal. “Sabemos que educar os filhos em casa não tem sido uma tarefa fácil, por isso, recomendamos aos pais que só deixem em casa os alunos que realmente têm alguma comorbidade. A escola está segura, há regras que todos cumprem e, com certeza, a qualidade do ensino oferecido presencialmente é muito superior. Estamos nesta missão conjunta para elevar ainda mais a qualidade da educação, pois sabemos que a educação transforma e amplia as chances de uma vida melhor”, ressaltou.

O diretor-presidente da Fundação Municipal de Educação, Maurício da Silva, frisou que a participação dos pais neste processo também é fundamental. “Estamos investindo na aquisição destes produtos para garantir o direito à alimentação escolar e a segurança alimentar e nutricional de nossos alunos, contudo, os pais precisam acompanhar o desempenho de seus filhos, cobrar, fiscalizar e incentivar o retorno às salas de aula, pois além do prejuízo ao aprendizado, há também um grande dano emocional pela falta de convívio social”, salientou.

“Veio na hora certa”

A atendente operacional Sely Vieira foi uma das mães que compareceu à entrega dos kits. Mãe de três estudantes da escola Faustina da Luz Patrício, Sely comemorou a oferta dos gêneros alimentícios: “Veio em boa hora”, agradeceu a mãe, ao ressaltar que os kits recebidos anteriormente, durante o ano passado, também incrementaram as refeições da família.

A equipe de nutricionistas do Departamento de Alimentação Escolar (DAE) foi a responsável por definir a composição dos kits que, nesta nova remessa, possuem: 2 kg de arroz, 1 kg de feijão, 1 kg de farinha de mandioca, 800 g de leite em pó, 500 g de macarrão, 1 lata de sardinha e 1 dúzia de ovos, oferecendo aos alunos um total de 18.500 calorias, equilibrado em carboidratos, proteínas e gorduras, de acordo com o preconizado pela legislação. Para alunos matriculados nos Centros de Educação Infantil (CEI), o Kit corresponderá às calorias necessárias para atender 23 dias letivos. Já para alunos das Escolas Municipais de Educação Básica (EMEB), o Kit corresponderá a 40 dias letivos. Estas estimativas foram baseadas também na legislação do PNAE e recomendações de acordo com cada faixa etária.

Caso os pais ou responsáveis abstenham-se do recebimento do Kit dentro do prazo estabelecido, deverão assinar um Termo de Desistência, para que o Kit seja destinado para outras famílias, de acordo com procedimentos adotados pelo DAE.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui